É comum que existam muitas dúvidas sobre como funciona uma clínica de reabilitação. Muitos ouvem falar a respeito destes locais, mas não recebem tantas explicações para compreenderem bem tal tipo de serviço.

Neste artigo, vamos oferecer algumas informações de destaque sobre o assunto, tentando responder a questionamentos que você possa ter. Confira:

O que são clínicas de reabilitação e para quem elas são indicadas?

São locais especializados em tratamentos de diversas doenças, entre elas a dependência química. Seus objetivos são contribuir para a recuperação e oferecer um maior acompanhamento para ajudar a pessoa a lidar com seu problema, as consequências que ele traz e suas dificuldades.

Para isso, essas clínicas contam com profissionais variados, como médicos, enfermeiros, psiquiatras e psicólogos, dentre outros. Os serviços deles ficam disponíveis em tempo integral, possibilitando que a pessoa tenha acesso a eles quando precisar.

Existem diferentes tipos de clínica de reabilitação, com especializações e modelos diversos.

Assim, elas podem ser indicadas para muitos casos, sendo necessário pesquisar e encontrar a que mais se adéqua à cada situação. Por exemplo: além de apenas saber que uma determinada clínica trata de dependentes químicos, é importante prestar atenção a fatores como o tipo de droga ou a forma de tratamento em que esta instituição é especializada.

Como são as acomodação e quais são os serviços?

As clínicas podem oferecer acomodações que possibilitem a internação de pacientes, se isto for necessário.

Além disso, também existe uma variedade de serviços, como a desintoxicação e o acompanhamento psicológico. A primeira se trata da diminuição, através do uso de medicamentos, dos sintomas do uso da droga ou de sua abstinência. Já a segunda refere-se a diversos serviços que focam na saúde mental e emocional da pessoa, como terapia, grupos de convivência e terapia ocupacional.

Outros serviços são voltados para a nutrição e a saúde física, a higiene e a oferta de uma orientação que visa preparar o indivíduo para sua vida após a reabilitação.

Como é o tratamento?

O tratamento vai variar, dentre outros fatores, de acordo com a droga e o nível de dependência. Ele costuma ser classificado em três modos:

  • externo: quando a pessoa só vai à clínica para fazer consultas e participar de grupos de apoio (como os Narcóticos Anônimos e os Alcoólatras Anônimos). Esse modelo costuma ser utilizado em situações onde a dependência é mais leve;
  • interno: é quando a pessoa fica internada na clínica, podendo receber atenção em qualquer momento que for necessário;
  • internação parcial: nesse modelo, a pessoa passa o dia na clínica, mas volta para casa durante a noite.

Como é a localização?

Existem clínicas de reabilitação espalhadas por todo o país, sendo que algumas delas se localizam em lugares com acesso restrito. Isto ocorre para oferecer uma maior garantia de privacidade e tranquilidade aos pacientes.

No entanto, o acompanhamento de pessoas próximas, como familiares, também pode ajudar muito, e a clínica deve permitir que os indivíduos se comuniquem e recebam visitas.

Vale lembrar que, na hora de escolher uma clinica, é importante procurar uma que ofereça programa de prevenção à recaídas e tratamento multidisciplinar, que valorize grupos de apoio e acompanhamento psicológico.

Esperamos ter ajudado você a compreender como funciona uma clínica de reabilitação. Assine nossa newsletter para receber mais conteúdos!

Somos especializados no encaminhamento e tratamento de usuários de álcool e drogas. Entre em contato para conversarmos mais!

Duvidas:
(11)2088-1909
(11)97522-6386 VIVO WHATSAPP
(11)95997-7546 TIM
(11)99199-2029 CLARO
(11)96230-9281 OI
(11)94262-3311 NEXTEL

Site Oficial:  www.viversemdroga.com.br