É possível se livrar do vício das drogas sozinho? Descubra aqui!

10 minutos para ler

O vício das drogas é destruidor — seja para o usuário, seja para a família. A dependência química é uma doença crônica e pode atingir pessoas das mais diversas classes sociais. Saber como parar de usar drogas requer comprometimento e foco.

Por isso, é muito comum se questionar se é ou não possível se livrar do problema sozinho ou se o melhor caminho é por meio de uma ajuda especializada. Entenda melhor o que pode ser feito nesses casos e dê um passo em direção à libertação.

Neste post, separamos algumas dicas para largar as drogas e mostrar quais são as principais dificuldades para aqueles que enfrentam essa luta. Se essa é a sua situação e dilema familiar, confira este artigo e se informe mais sobre as possíveis soluções desse triste problema. Vamos começar?

Afinal, é ou não possível se livrar do vício das drogas sozinho?

Esse assunto sempre trouxe muita polêmica, já que algumas vertentes defendem que qualquer pessoa pode se libertar do vício, desde que tenha determinação, força de vontade e foco.

Como você deve saber, essa resolução pode sim funcionar para algumas pessoas, mas não é uma regra absoluta. Isso significa que cada indivíduo reage de maneira distinta — considerando sempre as peculiaridades de cada um, que tem fortalezas e fraquezas diferentes.

É possível se livrar do vício das drogas sozinho, mas pode ser muito mais difícil do que pensamos. Isso porque existem diversos fatores internos e externos que influenciam nessa tomada de decisão do dependente.

Como parar de usar drogas?

Algumas dicas para largar as drogas estão relacionadas a determinadas atitudes e ações que o usuário toma no momento da dependência. Quando elas são evitadas, as chances de abandonar o vício ou obter sucesso em um tratamento são muito maiores. Separamos algumas maneiras fundamentais para alcançar esse objetivo.

Tentar abandonar o vício gradativamente

Muita gente se ilude ao usar essa ideia como uma estratégia para largar as drogas. Dificilmente, ela será eficaz para um dependente químico. É preciso entender que a dependência química é uma doença e ela requer medicamentos específicos, além de terapias e outros métodos para combater o vício. Reduzir as doses não é o procedimento mais fácil nem o mais adequado.

O ideal é cortar, de vez, o uso das substâncias; no entanto, conseguir isso sozinho não é uma tarefa simples. Se a pessoa, por exemplo, é dependente de cocaína e tenta não usar a droga, mas consome álcool e maconha, estas vão levá-lo à recaída da outra, pois trazem na memória o consumo da droga principal, provocando “fissuras”.

Isolamento social e familiar

papel dos familiares e amigos é essencial para que o dependente consiga largar as drogas. É muito comum que indivíduos usuários de drogas mais pesadas tendam a se isolar e, em alguns casos, apresentar quadros depressivos.

Tudo isso pode agravar a situação e dificultar as possibilidades de reabilitação. A família deve servir como um porto seguro e ser vista como uma esperança ao dependente, pois, se não houver esse apoio interno, quem poderá ser uma referência para ele?

Frequentar lugares que remetem ao vício

Entre as dicas para largar as drogas, é imprescindível evitar lugares onde o consumo ou a venda sejam recorrentes. A dependência, infelizmente, não tem cura. Ou seja, os tratamentos são eficazes para interromper o vício, porém, o organismo sempre carregará algumas mazelas dessas substâncias.

Recaídas são sempre uma triste possibilidade, mas podem ser evitadas quando o usuário se distancia dos riscos. Por isso, não frequentar locais nem encontrar pessoas que tenham contato com drogas é essencial. Assim, ele evita sentir o desejo como a necessidade de consumir droga.

Persistir nos hábitos

Para largar as drogas, é necessário mudar de hábitos. Persistir em uma rotina e achar que um dia qualquer o vício acabará é um grande erro. É muito importante quando outras atividades passam a fazer parte do dia a dia do dependente e começam a substituir os hábitos antigos, não saudáveis. Esporte, leituras, cultura, trabalho, entre outros são muito utilizados, inclusive, dentro de clinicas de tratamento para dependência química.

Cuidar da aparência, alimentação, exercício

As drogas, muitas vezes, são inibidoras de apetite, levando o paciente a apresentar deficiência de vários nutrientes e vitaminas, chegando a ficar até depauperado e com baixo condicionamento físico.

Dessa forma, durante o tratamento, tanto a alimentação quanto os exercícios são incluídos para a recuperação da saúde e da aparência do indivíduo. Ressalta-se que o exercício ajuda no controle da ansiedade, na manutenção da abstinência e na sensação de bem-estar, porque libera hormônios do prazer e reduz a vontade de consumir drogas.

Internação é a melhor solução?

Como falamos, o vício nas drogas é um assunto muito sensível. Por isso, é fundamental que quem queira sair dessa conte com todo o suporte necessário, pois, assim, a trajetória fica um pouco mais leve.

A melhor opção para um usuário é o tratamento em uma clínica de recuperação. Embora exista muita resistência, esse ambiente oferece tratamento isolado, acompanhamento e muitos outros benefícios, como veremos a seguir.

Quais são as vantagens de uma clínica de reabilitação?

Se você quer entender um pouco melhor os benefícios que esse caminho pode oferecer, então não deixe de ler alguns que listamos abaixo.

Suporte de médicos e especialistas

Imagine-se em um lugar que ofereça todo o suporte físico e mental para a libertação de vício de drogas. A tarefa de se libertar do consumo fica mais fácil, concorda? É exatamente isso que uma clínica faz: oferece médicos, especialistas, psicólogos, terapeutas e nutricionistas para acompanhar cada um dos usuários.

Isso significa que a equipe pode entender a abstinência que seu organismo sente, os efeitos que a ausência de droga causa à sua mente, como lidar com a situação, os estragos que isso traz para a família e vários outros detalhes.

Essa é a melhor maneira de entender tudo o que seu corpo sente e, com todo o amparo necessário, libertar-se do vício que o uso de drogas traz.

Grupos de apoio

Passar por isso ao lado de outras pessoas que vivenciam a mesma luta também pode facilitar bastante. Isso acontece porque os usuários entendem que não estão sozinhos nessa, mas veem que outras pessoas passam pelos mesmos conflitos e dilemas, conseguindo compartilhar os anseios e dando apoio uns aos outros.

Além de ser reconfortante em um primeiro momento, essa é uma ótima forma de receber apoio, direcionamento e força para deixar o consumo para trás.

Os grupos de apoio para dependentes químicos são os Alcoólicos Anônimos e/ou Narcóticos Anônimos. Caso esses grupos não consigam ajudá-lo, a melhor opção é a internação.

Infraestrutura

A infraestrutura oferecida é outra vantagem um tanto quanto considerável. Essa é uma forma de fazer com que a pessoa se sinta bem e, ao mesmo tempo, longe de todas as “tentações do mundo”.

Dentro de uma clínica, o dependente tem acomodações confortáveis e limpas, alimentação adequada e atividades constantes. Tudo isso é essencial para a evolução do tratamento, além de ser uma das maneiras mais eficientes de fazer com que o corpo fique livre dos efeitos, longe das recaídas e se acostume com uma nova rotina.

Uso de medicamentos

Para deixar de consumir drogas, geralmente se faz necessário o uso de medicamentos com dosagem indicada e controlada por um médico especialista. Estando dentro de uma clínica de reabilitação, há uma equipe que faz avaliação constante da dosagem conforme a evolução do paciente, para que ele sofra o menos possível com a eliminação das drogas do seu organismo.

Emprego de técnicas adequadas

Os profissionais que trabalham nas clínicas conhecem técnicas e metodologias corretas para atender aos pacientes em cada fase do tratamento, contendo situações relacionadas ao vício, como descontrole, alteração de humor e efeitos físicos derivados das drogas.

Pós-tratamento

A dependência das drogas pode ser tratada e controlada, porém é uma doença que não tem cura e, para que recaídas não ocorram mesmo depois que o paciente saia da clínica, ele deve ter acompanhamento psicológico e consultas regulares com especialistas, além de participar de grupos de autoajuda, apoio religioso e familiar para conseguir se manter distante de ambientes e amigos que nada têm em comum com seu novo estilo de vida.

Quando deve ser indicada a internação?

A internação de um filho ou de alguém querido em uma clínica de recuperação é uma decisão difícil de ser tomada, por isso é bom conhecer os processos do tratamento, os desafios e as dificuldades que ele enfrentará. Muitas vezes, as pessoas ficam na dúvida de qual momento mais indicado para fazer a internação. Então, vamos deixar duas situações como orientação.

Primeiro, quando o dependente reconhece que não tem mais controle sobre o vício, aceita que está doente e que precisa de ajuda. Segundo, no momento em que o dependente não percebe sua decadência e não consegue controlar mais nenhuma situação de sua vida. Nesse caso, um familiar pode solicitar a internação involuntária.

É muito importante procurar ajuda da clínica logo que uma das duas fases sejam identificadas para que os profissionais amenizem os impactos da droga no corpo e na mente do usuário. Por isso, nunca faça automedicação, já que a falta de conhecimento pode provocar uma interação entre droga e medicamento, alguma intoxicação ou reação, desencadeando até a morte. O mesmo diz respeito a remédios caseiros para aliviar os sintomas. Antes de qualquer atitude, procure orientação médica.

Essas foram algumas dicas sobre como parar de usar drogas. Conseguir se livrar de um vício sozinho requer muita dedicação e apoio de pessoas próximas. Nunca foi e jamais será uma tarefa fácil e possível para todas as pessoas que enfrentam a triste realidade da dependência química.

Sem dúvidas, a maneira mais eficaz e com resultados surpreendentes é por meio de uma instituição especializada e com tratamentos específicos para cada quadro clínico, visto que cada pessoa reage de uma maneira.

Gostou do post? Se você busca ajuda para algum familiar nessa situação, não espere mais. Entre em contato conosco e indicaremos os melhores caminhos para salvar a vida de quem você mais ama. Reabilitar é possível!

Somos especializados no encaminhamento e tratamento de usuários de álcool e drogas. Entre em contato para conversarmos mais!

Duvidas:
(11)2088-1909
(11)97522-6386 VIVO WHATSAPP
(11)95997-7546 TIM
(11)99199-2029 CLARO
(11)94262-3311 NEXTEL

Site Oficial:  www.viversemdroga.com.br

Você também pode gostar