Qualquer tipo de entorpecente é danoso à saúde. Porém, quando se trata dos efeitos das drogas sintéticas no organismo humano, os riscos são infinitamente maiores do que os relacionados às drogas naturais.

Afinal, as substâncias sintéticas são produzidas em laboratórios, muitas vezes sem nenhum tipo de controle, e suas fórmulas se tornam cada vez mais potentes. E acredite: boa parte delas é vendida pela internet ou por grupos de traficantes de diferentes classes sociais.

O poder destrutível de uma droga desse nível é alto, assim como o risco de provocar dependência química. Não há nenhuma forma segura de consumo e os resultados podem ser fatais até mesmo com o consumo de uma única dose.

Essa realidade já entrou em muitos lares brasileiros e o pouco conhecimento sobre tratamentos disponíveis acaba sendo um dificultador para salvar o usuário. Se você conhece alguém próximo com aspecto e comportamentos diferentes do normal, mas tem dúvidas se ele é ou não usuário, leia este post e conheça os principais efeitos das drogas sintéticas!

Afinal, o que é uma droga sintética?

Produzidas em laboratórios, algumas drogas sintéticas tiveram origem após experiências científicas e outras foram propositalmente para produzir efeitos semelhantes ou mais fortes do que os das drogas tradicionais. Em resumo, essas substâncias atingem diretamente o sistema nervoso humano e seus componentes não são encontrados na natureza.

Quais são os principais efeitos das drogas sintéticas?

Ha muitos tipos de drogas sintéticas e muitas delas são consumidas principalmente por jovens em festas ou em momentos de diversão. Confira as principais.

LSD

Também conhecida como ácido lisérgico, é um dos exemplos que foram originados a partir de uma experiência científica que não deu certo. Produz efeitos alucinógenos semelhantes aos dos cogumelos.

Pode provocar fortes alucinações na mente da pessoa, além de causar pequenos flashbacks, ou seja, mesmo depois de algum tempo após o consumo da droga, o usuário pode vivenciar os seus efeitos. Os riscos de uso dessa droga são bem altos e mesmo com o uso uma única vez já é possível se tornar dependente.

Ecstasy

Geralmente ingerido na forma de comprimido, é conhecido como a droga do amor, pois um de seus efeitos é potencializar as sensações corporais. Costuma promover agitação constante e a necessidade de beber água.

É uma das mais conhecidas e populares entre os jovens e sua comercialização ocorre geralmente em festas e boates. Pode ocasionar problemas sérios à saúde do usuário, incluindo um uma potencial overdose.

Special K ou Quetamina

Usada comumente como anestésico para cavalos durante a década de 70, seus efeitos são extremamente fortes. Entre eles: alucinações, distorção da visão, problemas respiratórios e aceleração dos batimentos cardíacos.

É considerada uma droga pesada e pode ser consumida por via nasal ou oral. As condições de usuários que experimentam a substância são deploráveis e os riscos, inclusive de morte, são de alta probabilidade.

Krokodil

O Krokodil muda de forma drástica tanto o aspecto como o comportamento da pessoa. Em uma triste comparação, o usuário fica semelhante a um zumbi. O impacto que provoca no corpo é semelhante ao da heroína, assim como sua forma de consumo, que se dá por aplicação injetável.

Foi elaborada na União Soviética no ano de 1932 para uma experiência médica e seu uso “recreativo” começou no início dos anos 2000. O local em que a injeção é aplicada fica escuro (com tom esverdeado) e a pele descama, dando uma aparência similar à pele de um crocodilo.

Nmobe

Este nome ainda é pouco difundido no Brasil, porém tem probabilidade de se tornar uma droga popular. Sua criação é recente; passou a ser vendida pela internet a partir de 2010. Sua aplicação se dá por meio de um pequeno pedaço de papel colocado sob a língua, semelhante ao que acontece com o LSD.

No entanto, seus efeitos são mais fortes e, consequentemente, os riscos são mais altos. Alucinações, euforia e uma falsa sensação de felicidades são as principais sensações vivenciadas por quem ingere a substância. O risco de dependência se dá a partir da primeira prova.

Cocaína

Considerada uma droga semissintética, é uma das mais populares em todo o mundo. Infelizmente, o Brasil é um dos maiores consumidores dessa substância. Considerando a potência de seus efeitos e os males que ocasiona na vida dos usuários, a coloca na lista das mais preocupantes. Também pelo fato de ser extremamente popular e vendida em diferentes lugares, sua produção acaba sendo ainda mais precária.

Em alguns casos, outras substâncias não necessariamente alucinógenas, como o pó de mármore ou gesso, são adicionadas pelos traficantes com o intuito de fazer a droga render mais. Isso potencializa os males à saúde do usuário.

Flakka

Esta droga também é recente e vem chamando a atenção dos órgãos de saúde de todo o mundo, devido ao seu preço muito acessível e à facilidade de ingestão (pode ser fumada, inalada, bebida ou injetada). Extremamente alucinógena.

Uma dose maior pode causar delírios intensos e espasmos musculares. Pode ocasionar problemas cardíacos e renais, além de aumentar a temperatura corporal significativamente.

MDMA

Conhecida simplesmente como MD, essa droga se tornou uma febre nas baladas. Como uma espécie de cristal, sua composição é a mesma do ecstasy, mudando somente a aparência. Foi apelidada de Michael Douglas pelos jovens.

No entanto, não há nenhuma ligação entre o ator e a substância. Seu nome científico é metilenodioximetanfetamina. É considerada uma droga potente e geralmente é consumida com bebidas alcoólicas, o que faz aumentar seus riscos. Seus efeitos são alucinações e euforia.

Os efeitos das drogas sintéticas são perigosos e costumam ser devastadores, independentemente do nível de consumo. As dores não atingem somente o organismo e o psicológico do dependente, mas também afetam o sentimento e a vida de pessoas próximas.

É preciso entender o problema como uma questão de saúde e, por esse motivo, a única forma de amenizar a situação é por meio de tratamentos específicos. Infelizmente, a dependência química não tem cura, mas os resultados de um cuidado especial, acompanhado por clínicas de recuperação, são surpreendentes.

Achou as informações úteis? Conhece alguém que sofre, direta ou indiretamente, com os efeitos das drogas sintéticas? Então, que tal descobrir como desintoxicar o organismo após o consumo de álcool e outras drogas? Boa leitura!

Somos especializados no encaminhamento e tratamento de usuários de álcool e drogas. Entre em contato para conversarmos mais!

(11)2088-1909
(11)97522-6386 VIVO WHATSAPP
(11)95997-7546 TIM
(11)99199-2029 CLARO
(11)96230-9281 OI
(11)94262-3311 NEXTEL

Site Oficial:  www.viversemdroga.com.br