Infelizmente, todos nós estamos sujeitos a adoecer ao longo da vida. Algumas doenças podem ser prevenidas por meio de vacinas e de cuidados básicos, mas não é o caso das doenças psiquiátricas. Algumas, em especial, surgem na fase adulta, chegam de forma silenciosa e geram transtornos para a pessoa e para os que convivem com ela.

Este artigo tem como objetivo esclarecer alguns fatos sobre o transtorno da personalidade esquizoide. Confira:

a>

O que é o transtorno de personalidade esquizoide?

É um tipo de transtorno que foi identificado no início do século XX, e diz respeito ao indivíduo que se fecha para o convívio em sociedade e começa a viver apenas no seu mundo interior.

Os portadores desse tipo de transtorno têm preferências por atividades solitárias porque são completamente indiferentes à realidade que os cercam. Eles não são capazes de demonstrar emoções e se tornam cada vez mais introspectivos e antissociais.

Qual a diferença entre esquizoide, esquizofrenia e autismo?

É muito comum esse transtorno ser confundido com esquizofrenia por causa da semelhança semântica, ou com autismo, que é um distúrbio neurológico muito parecido. No entanto, são patologias diferentes.

Na esquizofrenia, o portador tem dificuldade de distinguir as experiências internas das externas e se entrega aos sintomas psicóticos de delírio e alucinação. Apesar das diferenças, o transtorno de personalidade esquizoide é predominante em pessoas que têm histórico de esquizofrenia na família.

No autismo, a pessoa não é capaz de reconhecer no outro expressões de sentimentos como felicidade ou raiva, mas sente essas emoções, apesar de não saber demonstrar. Já a pessoa com transtorno de personalidade esquizoide percebe as emoções dos outros, mas, aparentemente, não sente nada.

Quais são as características desse transtorno?

Frieza emocional

Nem mesmo a morte de um parente próximo pode causar sofrimento a quem tem transtorno de personalidade esquizoide. A pessoa é incapaz de sentir ou de demonstrar suas próprias emoções.

Empatia, frieza e distância de outras pessoas são características marcantes de quem tem esse tipo de transtorno. A pessoa se torna imune a críticas e elogios, pois é incapaz de distinguir sentimentos.

Preferência por atividades solitárias

O isolamento social é outra característica dessa doença. O indivíduo tem preferência por ficar sozinho, seja qual for a ocasião — mesmo as pessoas que praticam atividades de lazer, o fazem de forma solitária, como no caso de jogos eletrônicos.

Dificuldade e desinteresse em se relacionar

Quem sofre com essa doença não demonstra interesse em fazer parte de uma família, ou em ter amigos. Por ser indiferente a qualquer tipo de sentimento afetivo como amor ou raiva, a pessoa que tem transtorno de personalidade esquizoide não tem desejos sexuais.

Alto poder de imaginação

O fato do portador de transtorno de personalidade esquizoide não se interessar pela vida real, faz com que ele crie um universo paralelo. Ele é capaz de imaginar inúmeras situações e reagir a elas como se fossem reais.

Tratamento para o transtorno de personalidade esquizoide

Como forma de tratamento para esse tipo de problema, vários especialistas recomendam intervenção psicoterapêutica. A terapia pode proporcionar uma mudança gradual e o portador do transtorno pode ter mais qualidade de vida. Além disso, o apoio da família é muito importante.

Você conhece alguém que sofre de transtorno de personalidade esquizoide? Deixe um comentário contando como você lida com a situação.

Somos especializados no encaminhamento e tratamento de usuários de droga. Entre em contato com a Instituição Viver sem Drogas para conversarmos mais! Contatos:

(11)2088-1909
(11)97522-6386 VIVO WHATSAPP
(11)95997-7546 TIM
(11)99199-2029 CLARO
(11)96230-9281 OI
(11)94262-3311 NEXTEL

Site Oficial: www.viversemdroga.com.br

Saiba mais Sobre:

*Como funciona uma Clínica de Recuperação? Clicando Aqui

*Internação Involuntária. Clicando Aqui